sábado, 4 de janeiro de 2014

Taken - cap 12

Depois do comentário de Will todos riram da forma como ele logo se sentiu a vontade.
Não passou mais de meia hora e cada um foi para a sua casa.
Você estava no carro com Will, quase chegando em casa.
Você: Como foi passeio?
Will: Foi bom.
Você: Defina bom... – você olhou pelo espelho do caro para ele para ter certeza que ele falaria a verdade. Sabia que ele não hesitaria em contar uma mentira para que se sentisse melhor, assim como você faria com ele. M as ele era pequeno e agora era sua função cuidar dele.
Will: O passeio foi legal... Mas Analu não desgrudava do Jake.
Você: E porque isso seria um problema?
Will: Ah, você sabe... Eu gosto dela. Mas não estou bravo com Jake, ele é um bom amigo e eu sei que ela gosta dele.
Você: ahn? Não entendi... – e realmente não havia entendido... Em parte.
Will: Estou apaixonado pela Analu.
Você freou o carro, ainda bem que a rua estava vazia e olhou para ele no banco de trás.
Will: Você é doida?!
Você: Como assim está apaixonado pela Analu??? – você disse segurando o riso. No começo você até ficou um pouco assustada, mas depois percebeu como a situação era engraçada.
Will: Ué, eu estou... – ele disse ficando cada vez mais vermelho, e você achou fofo. Com a partia da sua mãe, pensou que ele não e recuperaria tão rápido. Mas ele se recuperou mais rápido do que você. Pensar que ela não ligava mais para você ainda doía.
Você: Hm... E pretende contar para ela?
Will: Não sei. Podemos, por favor, ir para casa? Estou cansado.
Você: Tudo bem – você levantou as mãos pedindo desculpas e retomou o caminho para casa.
Vocês chegaram rindo em casa e surpresa... Seu pai estava na sala.
Pai: Onde estavam?
No mesmo minuto as risadas cessaram.
Você: Will... Vá tomar um banho
Will: Não.
Pai: Vá
Will: Mas pai...
Pai: Suba!
Ele não discutiu mais e fez o que seu pai tinha mandado.
Você: Não precisava ter falado assim!
Pai: onde estava?
Você: Na casa de uns amigos
Pai: O que estava fazendo lá?
Você: Estou combinando uma viagem. E u e Will vamos passar o Natal e o Ano Novo fora.
Pai: Você é minha filha, vai ficar comigo.
Você: Por um acaso perguntou se eu quero? Porque não disse isso para a mamãe quando ela foi embora? Você não fez nada para fazê-la ficar. Wil também é seu filho, apesar de você agir como se não fosse. – Você explodiu, ele nem ligava para você, como esperava que quisesse passar as festas de fim de ano com ele.
Pai: Porque ele não é meu filho!!! -  Você ficou de boca aberta e ele continuou – ele é filho da sua mãe, mas não é meu.
Você: Ele... Ele é adotado? – você perguntou,mas já sabia a resposta.
Pai: Não, ele é filho da sua mãe com outro cara.
Você: Meu deus – você sentou no sofá – então todos esses anos...
Pai: Todos esses anos eu criei um filho que não era meu.
Você: Você sabia que ele não era seu filho?
Pai: Sim...
A tristeza nos olhos dele era tão profunda que você perdeu toda a raiva que estava sentido dele.
Você: Por que não se separaram antes?
Pai: Porque eu amava sua mãe, mas ela não me amava. Ela não tinha para onde ir, mas já não éramos casados há muito tempo. Tem noção do quando é doloroso ver a pessoa que você ama todos os dias e ter, a cada dia, mais certeza de que ela não te ama?
Você: Não... – você estava chocada de mais para sentir qualquer coisa.
Pai: Pode ir viajar... Vou ter que ir trabalhar  nas festas mesmo. Vai levar o Will, não vai?
Você: Vou.
Pai: Ótimo, não é justo deixar o garoto aqui com Dinah. Mesmo porque ele não tem culpa de nada e eu sei disso. Mas ele é um lembrete de que sua mãe não me amava. Por isso não consigo amar ele do mesmo jeito que amo você, que é um lembrete da época em que ela me amava.
Você não conseguiu dizer nada.
Pai: Boa noite – ele disse isso e subiu, provavelmente para o quarto dele.
Depois de se recuperar do susto, você subiu também. Entrou no quarto e sentiu mais confortável. Aquele havia sido seu santuário por tanto tempo, e ainda era.
Resolveu ir tomar banho para por a cabeça em ordem. Pegou sua toalha e foi para o banheiro.
Bom... Will não era seu irmão, sua mãe era a vilã da história e não seu pai. Para piorara ela havia largado o filho dela para o cara que ela enganou e magoou cuidar. Isso era cruel.

Já eram quase dez horas e você precisava dormir. Amanhã teria o almoço na casa da Holiday e do Zayn e você precisava acordar relativamente cedo.
Pronto gente.
O tamanho ficou aceitável... 
Eu estou fazendo um fic interativa e gostaria q vocês participassem, principalmente as que sempre comentam. deem uma olhadinha na minha ideia http://imaginedirection1d.blogspot.com.br/2014/01/fic-interativa-preciso-de-elenco.html.
Quem será que é pai do Will? 
Dica: ele tem outro irmão.
Continuo com 15 comentários
Xx. Cecy


20 comentários:

  1. Meu Deus, termina isso! Por favorzinho
    Pai do Will? Eu acho que é doa meninos da.....

    ResponderExcluir
  2. Ameiiiii muito bom mas tipo muito bom mesmo.
    Continua
    Lili

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada.
      Vou continuar amanhã ou depois, ok?

      Excluir
  3. Ameeeeeeiiiii a fiiic continuuuaaa!!!! Ta perfeiita! Cada vez mais me apaixono por essa fic!!!

    ResponderExcluir
  4. Ameiii perfeito continua... Please Bjoss
    *Letycia

    ResponderExcluir
  5. Coooooooooooooooontinua pelo amor de Deeeeus :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou continuar amanhã ou depois.
      Obrigada :3

      Excluir
  6. Ta perfeita essa fic.. por favor continua
    ;-)

    ResponderExcluir
  7. OMG, ta perfeito!! Eu adimiro sua criatividade! Por favor continua!
    #Lariixx

    ResponderExcluir
  8. Ta mto bom msm!!! Por favor continuaaa
    Ka'

    ResponderExcluir
  9. Ai meu santo Harry (sqnao) CONTINUA ISSO

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkkkkkk
      "Santo Harry (sqnao" ADOREI!
      Vou continuar amanhã ou depois
      Xx.

      Excluir

Não esqueça de comentar!!! Pois é seu comentário que nos motiva a continuar e tentar fazer melhor sempre , amamos vocês pelo imenso carinho com a gente mesmo sem conhecer cada uma <3

Sue , Gaby , Helo , Raih e Vivian .